Para conter COVID-19, Grécia anuncia restrições

O primeiro-ministro grego, Kyriakos Mitsotakis, anunciou neste sábado que vai estender o toque de recolher noturno e fechar bares, restaurantes, cafés, cinemas, museus e academias.

A medida entrará em vigor a partir desta terça-feira, 3 de novembro, e terão duração de um mês no norte da Grécia e na região da Ática, que inclui a capital Atenas.

O país registrou números significativamente mais baixos de COVID-19 do que outros países da Europa, mas os casos têm aumentado rapidamente desde o início de outubro.

As próximas duas semanas serão cruciais na luta do país contra a COVID-19, pois o sistema de saúde está sob enorme pressão e dificilmente se manterá se as pessoas não cumprirem as regras.